Em Dias Chuvosos…

Parece que em momentos de grandes turbulências, as coisas são mais intensas e absurdas. Não podia ser uma chuvinha, aquela que engana o bobo, tinha que ser um tsunami logo para espalhar o caos total. Ou uma unha encravada. Isso também é de lascar. Todos os eventos que podem ser ruins tendem a piorar numa anormalidade que quem passa pelo processo se julga o pior ser da terra, comparando-se a outras espécies como se essas se importassem com aquilo tudo. Aquela chuva quase impediu esse breve romance, um desses casos que acontecem de forma rápida e indolor. Porém cheia de prazeres sem culpas. Ela usava uma calça vermelha com a cintura justa e as pernas um pouco mais largas. Usava uma blusa branca e lutava com a sombrinha para se proteger da chuva equilibrando-se sobre os saltos. Ele sentiu a chuva entrar pela janela e foi até ela soltando uns tragos. Olhou para baixo após uma outra baforada e viu a moça se atrapalhando toda. Ele então gritou para ela alguma coisa e ela olhou para cima tentando usar a mão para enxergar melhor. A porta se abriu e ela entrou correndo. Ele estava sem camisa e usava uma calça de tecido grosso toda desenhada de flores. Ela olhou para ele. A água escorria pelos cabelos longos que tapavam os seios na transparência do tecido. Ele abriu a porta e a convidou para entrar. Ela se enxugou em uma toalha e limpou a maquilagem borrada. Ele serviu duas taças de vinho e ela pediu whisky. Ele fez arte em seu corpo. Ela era uma selvagem. Árvores enormes e tortas desenhavam todo o lugar com seus cheiros de verde e vermelho. Os dois se amaram por algumas horas. Ela se levantou e vestiu a blusa, ainda molhada. Balões vermelhos enfeitavam o teto. Ela puxou um deles e com a ponta do cigarro estourou-o. Ele agora usava uma calça jeans, e não se lembrava em que momento havia saído de casa. Ela lhe deu um beijo na testa e o chamou de anjo. Depois virou-se e saiu daquele lugar como uma gata toda manhosa. Ele fechou os olhos de novo. Estávamos no baile da criatividade.

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s