Só Amor…

Curtinha de amor, ela passava para lá e ele passava para cá. Tinha um monte delas nas ruas e um monte deles também. Em grandes centros de compra, em escolas e nos transportes públicos. Elas estavam lindas em restaurantes e em pistas de dança e eles estavam elegantes em bares de futebol e em parques públicos. Tantas pessoas, tantas possibilidades, tantos encontros, tantos amores vividos e não vividos, em tantos lugares mundo afora. 7.4 bilhões, é esse o número? Então dobre, melhor quadrupliquem esse número de interações e se perguntem, pra que tanta guerra com tantos possíveis amores?

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s